Eleição na Cassi começa nesta sexta 16.
terça-feira, 21 de agosto de 2018.
A+
A-

Eleição na Cassi começa nesta sexta 16.

14/03/2018


Os associados da Caixa de Assistência dos Funcionários do Banco do Brasil (Cassi) vão às urnas de 16 a 28 de março para renovar parte da Diretoria Executiva, do Conselho Deliberativo e do Conselho Fiscal da entidade responsável pelos dois planos de saúde, que atendem hoje a mais de 800 mil vidas. Quatro chapas disputam a eleição. O Sindicato dos Bancários de Mato Grosso (SEEB/MT), a Federação dos Bancários do Centro Norte (Fetec-CUT/CN) e a Contraf- CUT apoiam a Chapa 1 – Em Defesa da Cassi, encabeçada por William Mendes, atual diretor de Saúde e Rede de Atendimento. 

“A Chapa 1 é a que tem candidatos mais experientes e que melhor conhecem o tema Cassi e saúde dos trabalhadores. São companheiros que têm histórico de lutas na defesa dos direitos dos funcionários do BB e dos associados da Caixa de Assistência. E por isso é a chapa que tem o apoio de mais entidades representativas dos bancários”, afirma Rafael Zanon, representante da Fetec-CUT/CN na Comissão de Empresa dos Funcionários do BB.

“Depois da decisão do Banco do Brasil de excluir o plano de saúde da Cassi aos futuros bancários aprovados em concurso, o que enfraquece a Cassi, mais do que nunca precisamos de dirigentes com experiência e capacidade de articular as entidades do funcionalismo em defesa da Caixa de Assistência. Só a Chapa 1 tem esses requisitos”, acrescenta Cleiton Santos, presidente da Fetec-CUT/CN, que também é funcionário do BB e na semana passada percorreu as agências do BB em Porto Velho fazendo campanha para a chapa.

Dentre as propostas da Chapa 1- Em Defesa da Cassi, que visam a defesa intransigente dos direitos dos funcionários do BB e dos associados da Caixa de Assistência, está a manutenção da solidariedade no Plano de Associados da Cassi. Este princípio, conforme defende a Chapa 1, deve abranger todos os funcionários do BB: da ativa, aposentados e futuros bancários.

A luta também inclui a garantia de que o governo ilegítimo não tenha espaço para impor medidas nefastas, como é o caso das resoluções da CGPAR. Para a Chapa 1, nenhuma proposta que ameace a solidariedade será aceita, vinda do BB ou da consultoria paga pelo banco.

Origem dos déficits

Os déficits no plano de saúde dos trabalhadores do BB têm duas origens principais. Considerando o eixo das receitas, o déficit deve-se à alteração do banco na remuneração dos bancários. Depois de 1996, o BB congelou salários, retirou o anuênio e reduziu o Plano de Cargos e Salários, que garantia uma receita adequada no sistema mutualista de custeio.

No que diz respeito às despesas administrativas, outro fator responsável pelo déficit, a saída está na ampliação do modelo assistencial de Atenção Primária (APS) e Estratégia Saúde da Família (ESF). A alternativa à compra de serviços de saúde na rede prestadora dará aos participantes melhores condições de saúde com o uso mais racional dos recursos.

Em relação ao custeio e readequação do orçamento da Cassi, das receitas operacionais, qualquer recurso novo tem que ter a parte do patrocinador Banco do Brasil, como prevê o Estatuto Social, assinado pelo BB com os trabalhadores: 60% para o banco e 40% para os associados.

A Chapa 1 defende o fortalecimento e ampliação da ESF e das CliniCassi, dos programas e políticas de saúde. Além disso, a chapa não concorda com nenhum subterfúgio que só onere associados e alivie o custeio do patrão, como cobrar por dependente, por idade, por uso, por perfil epidemiológico, impor franquia nas internações, aumentar coparticipações, reduzir ou extinguir programas de saúde.

Conheça aqui a composição e as propostas da Chapa 1.

Fonte: Fetec-CUT/CN

Compartilhe


NOTÍCIAS RELACIONADAS

Banco do Brasil - 14/08/2018
Ações doadas não tornam bancário responsável pelo BB
Banco do Brasil - 08/08/2018
Banco do Brasil apresenta proposta insuficiente e incompleta
Banco do Brasil - 27/07/2018
Banco do Brasil propõe reduzir prazo para descomissionamento e não avança na pauta
Banco do Brasil - 24/07/2018
ATENÇÃO BANCÁRIOS! Inscrições abertas para os cursos de CPA-10 e CPA-20
Banco do Brasil - 24/07/2018
Terceira mesa com o Banco do Brasil traz poucos avanços nas questões de saúde e segurança
Page 1 of 46 (230 items)Prev[1]234567444546Next