MT é o quarto estado em número de casos de feminicídio no Brasil
segunda-feira, 17 de dezembro de 2018.
A+
A-

MT é o quarto estado em número de casos de feminicídio no Brasil

23/11/2018


Este sábado, 25 de novembro, marca o Dia Internacional da Não-Violência Contra a Mulher. A data ficou conhecida mundialmente por conta do episódio ocorrido, em 1960, com as irmãs dominicanas Pátria, Minerva e Maria Teresa, conhecidas como “Las Mariposas”, que lutavam por soluções para problemas sociais de seus pais e foram perseguidas, diversas vezes presas, até serem brutalmente assassinadas por agentes do governo militar.

Em todo o mundo, iniciativas de movimentos sociais e feministas buscam reduzir o quadro alarmante da violência doméstica: de acordo com o Ministério da Saúde, 47 mil brasileiras foram vítimas de feminicídio nos últimos dez anos. Dentre estas, 74% são pretas ou pardas.

Em Mato Grosso, de acordo com os dados de 2017 das secretarias de segurança pública o Estado ocupa a quarta colocação em número de casos de feminicídio - Trata-se do assassinato em razão do gênero da vítima, comumente de autoria de homens conhecidos pela vítima, familiares ou companheiros.

Mato Grosso registrou 76 casos de feminicídio em 2017, um aumento de 55% em relação ao ano anterior, quando o número desse tipo de crime foi de 49. Ainda segundo a Secretaria de Segurança Pública, de janeiro a outubro de 2018 o número de mulheres mortas em crimes de feminicídio é de 66.

Para a secretaria da mulher do Sindicato dos Bancários de Mato Grosso (Seeb/MT), Vânia Lúcia Schembek Silva, é  fundamental que as mulheres não se calem e denunciem qualquer tipo de agressão ou discriminação. "É preciso que mulheres e homens se envolvam na Campanha 16 dias ativismo pelo fim da violência contra as mulheres", afirma Vânia Lúcia. Ela também lembra que  a Lei Maria da Penha é uma grande aliada das mulheres na busca pelos direitos e no combate a violência de gênero. 

Autonomia e enfrentamento

A Campanha 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres é uma mobilização anual, praticada simultaneamente por diversos atores da sociedade civil e poder público engajados nesse enfrentamento.

Mundialmente, a Campanha se inicia em 25 de novembro, Dia Internacional da Não Violência contra a Mulher, e vai até 10 de dezembro, o Dia Internacional dos Direitos Humanos, passando pelo 6 de dezembro, que é o Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres.

Em Cuiabá, a programação com 16 dias de atividades, começou desde  o dia 8 de novembro. Confira:

Agenda em Cuiabá

08/11 – 14h – Audiência pública, debate sobre “Alto índice de feminicídio e as políticas para enfrentar a violência contra a mulher”. Assembleia Legislativa de MT.

10/11 – 09h – Roda de conversa contra o Racismo, violência e Pelo Bem Viver – Mulheres Negras Movem Mato Grosso – Salão de eventos da Paróquia de Nossa Senhora do Rosário e São Benedito. Bairro Baú/Cuiabá Organização: Fórum de Mulheres Negras de Mato Gross

19/11 – 19h – Roda de Conversa: “Homenagem as Mulheres Negras Força de Zumbi” - Centro de cultura Popular do Parque Georgia (99931-6589 Fátima)

20/11 – 09h – Seminário: Mulheres Negras Movem o Brasil – Câmara dos Deputados Plenário 2

20/11 – 19h – Encontro Macro-Religioso MISSA DO DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA – Paróquia Coração Imaculada de Maria – Arquidiocese de Cuiabá/MT

21/11 – 19h - “Cine Debate pelo fim da violência contra as mulheres” - Escola Municipal Antônia Tita. Bairro: Jardim Florianópolis/Cuiabá

22/11 e 23/11 - “IX Encontro Nacional do Ministério Público da Violência Doméstica” - auditório da sede das Promotorias de Justiça, em Cuiabá/MT.

23/11 – Matutino – DEDM e Polícia Comunitária – Cinturão Verde

23/11 – 18h30 – Filme: “De volta para casa”. Cine Teatro Cuiabá.

24/11 – 17h – ConverChá – Lírios: Organização da sociedade civil de apoio psicossocial gratuito as mulheres em situação de violência – Salão do Grupo Espírita Fraternidade – Várzea Grande/MT 2

5 e 26/11 – I Encontro Nacional de Mulheres Negras – Comunidade Ribeirão da Mutuca – MT

29/11 – 19h – “Cine Debate pelo fim da violência contra as mulheres” - Bairro São Mateus/Várzea Grande

30/11 – matutino – DEDM e Polícia Comunitária – Bairro Altos da Serra ou Dr. Fábio

01/12 – 16h - “Cine Debate pelo fim da violência contra as mulheres” - Escola Estadual Rafael Rueda – Rua Caruaru. Bairro: Pedra 90/Cuiabá

04/12 – 09h – Roda de Conversa: “Desafios Enfrentados pelas Mulheres Negras” – Auditório Defensoria Pública de MT

05/12 – 08 as 18h – II Seminário de Educação em Direitos Humanos: cidadania para uma Cultura de Paz – Auditório do TJ/MT

07/12 – 13h – Seminário sobre violência contra a mulher – Auditório da PJC, Av. Coronel Escolático, nº 346. Bairro Bandeirantes/Cuiabá.

10/12 – 19h – Sessão Especial de Entrega do Prêmio de Direitos Humanos Padre José Ten Cate – Assembleia Legislativa/MT

 

 

Compartilhe


NOTÍCIAS RELACIONADAS

Seeb em Ação - 14/12/2018
Seeb/MT está se preparando para apoiar @s bancári@s atletas da Corrida de Reis 2019
Seeb em Ação - 11/12/2018
Itaú: Movimento sindical conquista reajuste no PCR e bolsas de estudo
Seeb em Ação - 06/12/2018
Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres
Seeb em Ação - 26/11/2018
Seeb/MT aprova previsão orçamentária para 2019
Seeb em Ação - 23/11/2018
MT é o quarto estado em número de casos de feminicídio no Brasil
Page 1 of 225 (1125 items)Prev[1]234567223224225Next