sexta-feira, 24 de novembro de 2017.

QUEM SOMOS

Para modificar a realidade de exploração a que os bancários eram submetidos, tendo que cumprir uma jornada diária de 10 horas. Os bancários fundaram, no dia 30 de janeiro de 1953, a Associação dos Bancários de Mato Grosso.

Para garantir a legitimidade da representação da categoria, no dia 27 de outubro de 1962, em Assembléia Extraordinária realizada no Palácio da Instrução foi fundado o Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários no Estado de Mato Grosso.

A primeira sede localizava-se na Avenida Getúlio Vargas, 16. O atual imóvel foi uma doação da prefeitura de Cuiabá, na gestão do então prefeito, Vicente Emílio Vuolo, no dia 28 de abril de 1964. Dividindo o espaço, inicialmente, com a Cooperativa de Consumo dos Bancários de Cuiabá.

No dia 13 de março de 1963, o então presidente da entidade, Djalma Valladares de Figueiredo, fez um pedido de reconhecimento do Sindicato como órgão representativo da categoria no Estado junto ao Ministério do Trabalho. A entidade recebeu a Carta de Reconhecimento no dia 15 de junho de 1963.

Em 1963, o Sindicato contava com 891 bancários no Estado e 260 em Cuiabá. Hoje, em Mato Grosso a categoria contabiliza aproximadamente 2700 bancários sindicalizados divididos em quatro diretorias regionais: Baixada Cuiabana: Cuiabá, Várzea Grande, Chapada dos Guimarães, Acorizal, Jangada, Barão de Melgaço, Santo Antônio do Leverger, Nova Brasilândia, Nossa Senhora do Livramento e Poconé. Médio Norte: Tangará da Serra, Diamantino, Barra do Bugres, Nobres, Arenápolis, Nova Olímpia, Campo Novo do Parecis, Porto Estrela, Nova Olímpia, Campo Novo do Parecis, Sapezal, Denise, Rosário Oeste, Alto Paraguai, Nortelândia, Santo Afonso e Nova Marilândia. Oeste: Cáceres, Jauru, Indiavaí, São José dos Quatro Marcos, Araputanga, Pontes e Lacerda, Porto Esperidião, Indiavaí, Figueirópolis DOeste, Vale de São Domingos, Vila Bela da Santíssima Trindade, Conquista DOeste, Campos de Júlio, Nova Lacerda, Comodoro, Reserva do Cabaçal, Rio Branco, Araputanga, Mirassol DOeste, Curvelândia, Lambari DOeste e Salto do Céu. Norte: Água Boa, Sinop, Querência, Luciara, Marcelândia, Nova Xavantina, Sorriso, Lucas do Rio Verde, Alta Floresta, Colíder, Nova Mutum, Peixoto de Azevedo, Tapurah, Nova Maringá, Vera, Feliz Natal, Nova Ubiratan, Boa Esperança do Norte, Santa Carmem, Cláudia, União do Sul, Itaúba, Santa Helena, Matupá, Guarantã, Terra Nova do Norte, Paranaíta, Nova Canaã, Nova Guarita, São José do Rio Claro, Cocalinho, Porto Estrela e Carlinda. Noroeste: Brasnorte, Juína, Porto dos Gaúchos, Aripuanã, Nova Bandeirante, Apiacás, Juara, Nova Monte Verde, Tabaporã, Castanheira, Juruena, Cotriguaçu e Coniza e Santa Carmen.

O Seeb-MT além da sede situada na Rua Barão de Melgaço, 3.190, possui o Clube Bancário, localizado nas proximidades de Bonsucesso em Várzea Grande.

O Sindicato dos Bancários compõe a Federação Centro Norte (FEEB/CN) e é filiada a Central Única dos Trabalhadores (CUT). Nesse sentido, busca sempre estar ao lado da categoria, combatendo os desmandos dos banqueiros, sempre ávidos por maiores lucros em detrimento dos bancários que são obrigados a submeter-se, sofrem com doenças ocupacionais, assédio moral e assédio sexual, chegando até mesmo ao extremo de suicidar-se, devido à histeria das metas impostas pela dinâmica dos bancos.

O SEEB/MT sempre estará ao seu lado para lutar por seus direitos, mas sem a sua participação ele perde a razão de existir. Sindicato somos todos nós!

"(...) Nós somos ele.
Você, eu, vocês - todos nós.
Ele veste sua roupa, companheiro, e pensa com a sua cabeça.
Onde mora é a casa dele, e quando você é atacado ele luta. (...)".
Bertold Breche